Início Bahia Quatro mulheres são denunciadas por abandono de pai idoso e com deficiência...

Quatro mulheres são denunciadas por abandono de pai idoso e com deficiência na Bahia

0
Foto: Reprodução/Câmara Municipal de Poções
Publicidade
Google search engine

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou quatro mulheres à Justiça por terem abandonado o pai idoso e com deficiência em uma Instituição de Longa Permanência (IPL) na cidade de Poções, no sudoeste da Bahia.

Conforme a denúncia apresentada na terça-feira (7), pela 3ª Promotoria de Justiça de Poções, o idoso foi admitido na IPL em 21 de junho de 2022, após ter sido encontrado “sozinho, caído no chão e abandonado na sua residência”.

Para o promotor de Justiça Ruano Fernando Leite, autor da denúncia, as mulheres cometeram crime previsto no Estatuto do Idoso, como “abandonar o idoso em hospitais, casas de saúde, entidades de longa permanência, ou congêneres, ou não prover suas necessidades básicas, quando obrigado por lei ou mandado”.

De acordo com o MP-BA, a pena prevê de seis meses a três anos de detenção e multa. Uma investigação apontou que as quatro filhas assinaram, no dia 16 de junho de 2022, a autorização para o pai ser admitido na “Associação Comunitária da Terceira Idade Imã Maria Gomes”.

Na denúncia, o promotor apontou que mesmo sendo “obrigadas por lei a amparar e prover as necessidades do pai na velhice”, conforme consta na Constituição Federal, as mulheres o abandonaram.

Ainda segundo a denúncia, as mulheres foram notificadas para informar as providências que seriam tomadas para o pai retornar para a família e foram advertidas sobre as consequências legais da omissão, mas não apresentaram argumentos suficientes para demonstrar a impossibilidade do grupo familiar acolhê-lo e preferiram mantê-lo na instituição.

Fonte G1 Bahia

Artigo anteriorMoradores de cidade com mais de 20 mil habitantes na BA denunciam falta de água há quase um mês
Próximo artigoQuatro suspeitos de crimes de violência contra mulher têm mandados de prisão cumpridos em cidade no interior da BA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui