Início Feira de Santana Procura por exame da Covid-19 aumenta em 64% em Feira de Santana

Procura por exame da Covid-19 aumenta em 64% em Feira de Santana

0
Google search engine

Somente este ano já foram realizados 43.878 exames

A procura pela realização do exame para o diagnóstico da Covid-19 aumentou 64% em Feira de Santana. Em maio foram realizadas 1.741 coletas enquanto em junho 2.860. Somente este ano foram feitos 43.878 exames.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Carlita Correia, atribui esse aumento ao relaxamento da população com os cuidados de prevenção contra a doença e a chegada do inverno, que facilita na proliferação do vírus e de casos de síndromes respiratórias.

“Toda a rede de saúde está intensificando a testagem para rastreamento e quebra da cadeia de transmissão do vírus, sempre orientando a população sobre os cuidados e as medidas de prevenção contra a doença”, afirma a coordenadora.

As pessoas que apresentarem sintomas gripais ou da Covid-19 devem se dirigir a uma unidade de saúde, onde será avaliada. O exame RT-PCR pode ser feito nas duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e nas sete policlínicas municipais. O serviço é disponibilizado gratuitamente pela Secretaria Municipal de Saúde todos os dias, das 7h às 19h.

Já nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Saúde da Família (USFs) são realizados o teste de antígeno – também colhe amostra nasal. O resultado é entregue em 15 minutos.

RESULTADO DO EXAME POR TELEFONE

Pessoas que realizaram o exame de diagnóstico da Covid (RT-PCR) podem obter o resultado através dos números (75) 3612-6613, 3612-6641 e 3612-6654, disponibilizados pela Secretaria Municipal de Saúde. A orientação é de que o paciente entre em contato a partir de três dias da coleta da amostra – em alguns casos o órgão liga informando o resultado.

Se preferir, o paciente também pode indicar qualquer pessoa da sua confiança para retirar o laudo do exame na recepção da secretaria, localizada na avenida João Durval Carneiro. Neste caso, mediante a apresentação do documento de identidade do paciente. Vale destacar que as pessoas com suspeita da doença não devem ir buscar o documento.

Artigo anteriorQuase 10 mil cães e gatos foram vacinados contra a raiva em Feira
Próximo artigoAudiência pública presencial para elaboração da Lei Orçamentária nesta terça

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui